Amazônia e o grito por socorro pela saúde e meio ambiente

            O Jornal The Guardian em reportagem de Tom Phillips intitulada “A complete massacre, a horror film: inside Brazil’s Covid disaster” expôs ao mundo a situação caótica que Manaus, no Estado do Amazonas, e outros municípios daquele estado estão a vivenciar na luta pela vida de seus cidadãos.

            A nova variante do Novo Coronavírus parece ser bem mais contagiosa e pode estar relacionada ao aumento do número de infectados, o que colocou o Estado em uma segunda onda incontrolável, diz Tom Phillips.

            Face a conjuntura atual da Amazônia brasileira e o colapso do sistema de saúde, em 26 de janeiro de 2021, ex-ministros do Meio Ambiente escreveram, então, carta à França, Alemanha e Noruega dirigindo apelo “em favor de imediata ajuda a essas populações, sob a forma de doação de materiais, equipamentos e medicamentos vitais para assegurar a sobrevivência deles, como por exemplo: cilindros de oxigênio, concentrador de oxigênio, usinas de produção de oxigênio medicinal, equipamentos para a instalação de unidades de terapia intensiva, macas, oxímetros, bi-level positive airway pressure (bipap), compressor que infla as vias aéreas superiores (vpap) e remédios usados no tratamento hospital da Covid-19”.

            Na carta, os ex-ministros alertam que “com mais de 30 milhões de habitantes, a Amazônia brasileira sofre de problemas que a tornam especialmente vulnerável à pandemia em razão do isolamento, da pobreza, da estrutura precária de saúde e da dificuldade de acesso. Essa situação se vê agravada pelo padrão de dispersão da população que vive às margens dos grandes rios e dos povos indígenas que habitam áreas ainda mais distantes”. Informam também que parte dessas pessoas são detentoras de conhecimentos tradicionais, pertencentes a grupos que tem a floresta como meio de vida, cujos valores culturais englobam a convivência harmônica com a natureza.

            Assinam a carta: José Goldemberg, Rubens Ricúpero, Gustavo Krauze, Izabella Teixeira, José Sarney Filho, José Carlos Carvalho, Marina Silva, Carlos Minc e Edson Duarte.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: